Ver Carrinho “Memórias do cardiologista de Samora Machel e Oliver Tambo” foi adicionado ao seu carrinho.
# Maria Veleda

Memórias de Maria Veleda – Feminista republicana, escritora e conferencista

13.33€

Autor:  Natividade Monteiro
Formato: 170×240
Páginas: 168
ISBN: 9789898153258
Disponibilidade: Envio em 24 horas

Maria Veleda foi a primeira mulher em Portugal a ser condenada por um crime de abuso de liberdade de imprensa, por um artigo publicado em 1908 a propósito da morte do rei. Com Carolina Beatriz Ângelo, a primeira mulher a votar em Portugal, foi uma das mais importantes ativistas republicanas na defesa dos direitos das mulheres e das crianças.

Sinopse:
Entre 26 de Fevereiro e 11 de Abril de 1950, o jornal República publicou as “Memórias de Maria Veleda”, uma professora feminista, republicana, maçónica e livre-pensadora. Tal constituiu uma vitória para este periódico de tradição democrática, pois apesar de alguns cortes efectuados pela Comissão de Censura, o conteúdo não foi alterado nem a sequência interrompida. Este acontecimento surpreendeu os leitores mais atentos e em particular os amigos e antigos companheiros de luta que ainda restavam a Maria Veleda, como o testemunham as cartas que a felicitam pela coragem demonstrada, as quais expressam também uma certa perplexidade pela pouca atenção que os vigilantes do regime prestaram à mensagem revolucionária que configurava toda a escrita das “Memórias”. Confrontando o manuscrito com o conteúdo publicado, verifica-se que Maria Veleda, consciente dos perigos que corria em recordar e trazer à luz a acção das mulheres na luta pela República e pela emancipação feminina, procedeu a pequenos acertos de linguagem numa atitude de auto-censura, própria de quem escrevia e publicava coarctado por um regime ditatorial que tudo vigiava, censurava e reprimia.

Política de Vendas e Política de Privacidade